Em busca da sorte

Zilo e Zalo

Compositor: Goia

EM BUSCA DA SORTE

Zilo e Zalo



Nas horas amargas da minha existência
Sozinho na noite me ponho a pensar
São tristes lembranças pra alegre passado
Que a sombra do tempo não coube apagar

Ai quantos amores eu tive na vida
E quantos abraços e beijos ganhei
Que lindos semblantes enfeitam meus sonhos
Na mente saudosa pra sempre guardei


(Estribilho)

E vou pela estrada da vida enganosa
Saudoso de tudo que ao longe deixei
Às vezes chorando, às vezes sorrindo
Seus passos seguindo pra onde eu não sei

Em minha jornada em busca da sorte
Às vezes tropeço na própria ilusão
De amores distantes ficaram lembranças
Dos anos não tiram do meu coração

Que bom que seria se o tempo parasse
Nas felizes do nosso viver
Quem sabe estaria nos braços daquela
Que nunca na vida eu pude esquecer

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital